Crise na Europa abre mercado imobiliário de Portugal a investidores brasileros.


Crise econômica abre mercado imobiliário de Portugal a investidores brasileros. 

Decreto assinado em setembro do ano passado facilita a concessão de vistos de residência aos adquirentes de imóveis no país. Após renovações, o visto de residência pode ensejar a residência permanente e até a obtenção da cidadania lusitana.

Entretanto, o valor inicial exigido para o investimento é de €500.000,00, o que equivale, hoje, aproximadamente a R$ 1.300.000,00 (um milhão e trezentos mil reais). Lisboa vista do Céu.jpg

Para quem pode pagar e está disposto a investir, as fronteiras europeias tendam a ser cada vez mais abertas.


Confira mais em: http://economia.uol.com.br/noticias/bbc/2013/04/11/imobiliarias-em-portugal-usam-visto-para-atrair-brasileiros.htm